Sem categoria

Campeonato Mundial de Dança Hip Hop conta com quatro vicentinos

06/09/2021
Campeonato Mundial de Dança Hip Hop conta com quatro vicentinos | Jornal da Orla

Com raízes em São Vicente, dançarinos representam o Município, no masculino e feminino, no Campeonato Mundial de Dança de Hip Hop (World Hip Hop Dance Championship). A equipe ‘Strikers Crew’ e o grupo ‘Distrito 13’ disputam a competição na categoria MiniCrew em setembro, podendo ser finalistas em outubro. 

 
Vindas de uma das maiores referências em dança de rua da Cidade – o Estúdio de Dança Alessandro Cardoso – as Strikers contam com a moradora do Catiapoã, Mickaela Kovac; Rhaissa Max, do Parque das Bandeiras e a itanhaense, de Belas Artes, Helloisa Cristina. 

 
Com experiências na cultura do Hip-Hop desde os anos 90, o professor de dança de rua, Alessandro Cardoso, exaltou os esforços das suas alunas. “É motivo de orgulho. É a primeira vez que elas participam, ainda coreografando, e já tiveram essa oportunidade de representar o Brasil. É muito gratificante.” 

 
Já o Distrito, de Santos, é formado pelos dançarinos, Anderson Oliveira, morador do Tancredo Neves, e  Marcos Santos, residente do Humaitá. Eles são os atuais campeões brasileiros na categoria Mini Crew, sob a coreografia/direção da santista Nathaly Cruz. 

 
"É uma sensação maravilhosa, única e de muita responsabilidade, pois representar minha cidade e o meu país em um campeonato com os melhores dançarinos do mundo é como uma missão para mim”, comenta Anderson, que já participou de outras edições. 

 
World Hip Hop Dance Championship 
 
Inicialmente, o campeonato seria realizado em Phoenix, no estado do Arizona, Estados Unidos, porém, será feito em formato virtual para diminuir os riscos da proliferação do vírus. 

 
As eliminatórias iniciam em setembro e cada equipe deverá enviar um vídeo seguindo as regras impostas pela organização. Caso se classifiquem, os grupos disputarão a final do torneio no dia 2 de outubro, que será transmitida ao público. 

 
Ao todo, a competição contará com três modalidades: Crew, Mini Crew e Mega Crew. A modalidade Mini Crew é a mais recente dentro do HHI e surgiu em 2019 no Mundial. 
 
Programação do evento: 
 
– Inscrições até 6 de setembro
– Inscrições preliminares de vídeos até 6 de setembro
– Pontuação preliminar 11 e 12 de setembro
– Finalistas anunciados em 13 de setembro
– Inscrições de vídeos dos finalistas até 22 de setembro
– Transmissão online das Finais Mundiais em 2 de outubro
 
Diferenças das danças

 
A modalidade Crew necessita de cinco a nove integrantes e é composta pelas categorias: Junior (de 7 a 12 anos), que possui um tempo de apresentação de 1 minuto e 30 segundos; Varsity (de 13 a 17 anos), máximo de 2 minutos; e Adult (a partir de 18 anos), até 2 minutos. Em relação ao Mini Crew, é preciso que seja em trio. Não há restrição de idade, porém, o tempo máximo de apresentação é de 1 minuto e 30 segundos. 

 
Já o Mega Crew obriga que o grupo seja composto por 10 a 40 integrantes. Nesse caso, também não há restrição de idade e o tempo é de 3 minutos e 30 segundos.