Cidades Regional

São Vicente usa estratégia do “Carro do Ovo” para vacinar faltosos

08/12/2021
São Vicente usa estratégia do “Carro do Ovo” para vacinar faltosos | Jornal da Orla

Veículo vai percorrer a cidade para vacinar quem deixou de se imunizar contra a Covid-19

A Prefeitura de São Vicente vai usar a estratégia de vendas do “carro do ovo” para vacinar as pessoas que deixaram de comparecer aos postos de vacinação para receber a dose do imunizante contra a Covid-19.

“O carro da vacina chegou e está passando na sua rua” é a mensagem que será transmitida pelo sistema de som do veículo, que começa a circular nesta quinta-feira (9), inicialmente pelas ruas do bairro Rio Branco, na área continental, que tem o maior número de pessoas com o ciclo vacinal incompleto.

“Essa é mais uma ferramenta que estamos utilizando para fornecer às pessoas a possibilidade de se vacinarem com mais facilidade e fazendo com que elas compreendam a necessidade de completar a imunização. Além da unidade de saúde do seu bairro, São Vicente agora disponibiliza esse carro, que estará nas ruas, com som, convidando as pessoas para tomar a vacina”, explica a secretária de Saúde, Michelle Santos.

O Carro da Vacina vai percorrer as ruas de cada bairro durante dois dias (dependendo da demanda, o número de dias pode aumentar), de segunda a sábado, das 9h às 16h.

A vacina é aplicada no carro mesmo, que está equipado e adesivado. “As doses serão armazenadas na temperatura adequada e, se houver a necessidade, a unidade de saúde próxima dará o suporte, seja com mais doses ou no controle da temperatura delas”, enfatiza Luciana Schiavetti, diretora de Vigilância em Saúde.

Este projeto contou com a parceria do Brisamar Shopping, que forneceu o carro totalmente equipado e pronto para ir às ruas.

Documentos – Para a primeira dose, que também será aplicada no carro da vacina, é necessário levar RG e comprovante de residência. O cadastro no VacinaJá é fundamental.

Para a segunda ou terceira dose, é necessário apresentar um documento com foto e o cartão de vacina, com o registro da primeira ou das duas doses.