Roteiro Cultural

Roteiro Cultural: saiba o que fazer em Santos

08/02/2020
Roteiro Cultural: saiba o que fazer em Santos | Jornal da Orla

Música

 

 

Xande de Pilares – Na próxima sexta-feira (14), a partir das 20h40, Santos abre o Desfile das Escolas de Samba do Carnaval 2020 com show de Xande de Pilares na Passarela Drauzio da Cruz (Av. Afonso Schmidt – Castelo). Ingressos estão à venda na bilheteria do Teatro Municipal (Av. Senador Pinheiro Machado, 48 – Vila Matias), com valores de R$ 5 a R$ 10. Foto: Washington Possato

 

Tendas – A programação nas tendas segue neste fim de semana, com apresentações musicais a partir das 20h. Neste sábado (8), a Banda Rockify marca presença na Tenda 1. Na Tenda 2, a banda Trevo leva a mistura de reggae, pop e MPB ao público. Carlos Bronson apresenta vários sucessos da música popular na 3. E na 4, o entretenimento é por conta da equipe de som Futuráfrica que garante reggae, soul e funk. No domingo (9), os bailes ganham a programação a partir das 19h. A banda Multisom comanda o som na 1; a Banda Só Pra Metais se apresenta na 2;  Banda Produto Musical é atração na 3 e Banda Ribalta, na 4. Gratuitos.

 

Orquestra – Na quinta-feira (20) a partir das 20h, o Teatro Municipal (Av. Senador Pinheiro Machado, 48) recebe a Orquestra Sinfônica do Estado de São Paulo celebrará os 250 anos de Ludwig van Beethoven com a turnê “Beethoven Paulista”. Entrada gratuita. Retirada de ingressos na bilheteria do teatro uma hora antes do espetáculo. 

 

Diogo Nogueira – O cantor vem a Santos no sábado (8), às 20h, no Mendes Convention Center (Av. Francisco Glicério, 206). Diogo interpreta seus sucessos, clássicos do samba e da MPB em homenagem a seus grandes mestres.  Ingressos: de R$ 60 a R$ 100, à venda no site Sympla ou na bilheteria do Mendes. 
Guitarra Santista – Em homenagem a guitarristas brasileiros, Luiz Oliveira, Mauro Hector, Alexandre Blanc e Mozart Mello se apresentam na comedoria do Sesc (R. Conselheiro Ribas, 136), na próxima quinta (13), às 21h. Ingressos: de R$ 9 a R$30.

 

Fábio Luiz Salgado – No próximo domingo (16), às 16h30, na Pinacoteca Benedicto Calixto (Av. Bartolomeu de Gusmão, 15) se apresenta o tecladista, arranjador e produtor musical que promoverá um show surpresa a cada mês, homenageando sempre um artista brasileiro. Entrada gratuita. 

 

Teatro

“A Procissão”

 A Praça dos Andradas (Centro Histórico) receberá no próximo domingo (16), às 17h, a peça “A Procissão” que conta a trajetória de romeiros em caminhada na busca de sobrevivência e fé. Em caso de chuva, o espetáculo será transferido para o Teatro Guarany (Praça dos Andradas, 100). Informações: (13) 3278-9800. Foto: Wagner Linares.

 

Prot{agô}nistas – “O movimento negro no picadeiro” é um espetáculo de circo que reúne artistas da música e da dança numa dramaturgia que convida a plateia a contemplar a beleza negra no seu âmago. Em cartaz neste sábado (8), às 20h, no Sesc (Rua Cons. Ribas, 136, Aparecida). Ingressos: de R$ 9 a R$ 30.

 

“A casa amarela” – No sábado (15), às 20h, o Teatro Sesc (Rua Cons. Ribas, 136) recebe o espetáculo “A Casa Amarela”, de Gero Camilo. O show apresenta uma reflexão sobre o sonho de Vincent van Gogh em fundar uma comunidade de artistas em Arles, no sul da França. O texto aborda o desejo do pintor em reunir vários e diferentes artistas, onde todos pudessem pintar trocar ideias e informações. Ingressos: de R$ 9 a R$ 30.

 

“Estação Devaneios” – A Cia. Diálogos Acrobáticos leva ao Sesc (Rua Cons. Ribas, 136), neste domingo (9), às 17h30, o espetáculo circense acrobático que retrata a história de um jornaleiro fantasioso e solitário que trabalha em uma estação perdida no tempo. E, entre os muitos personagens que ali transitam, em suas ações repetidas do dia a dia, o jornaleiro recria as estórias destes personagens, de maneira única e fabulosa. Ingressos: de R$ 6 a R$ 20.

 

“Ser-tão” – A Cia. Diálogos Acrobáticos se apresenta no Sesc (Rua Cons. Ribas, 136) com um espetáculo de caráter circense acrobático que retrata um lugar desolado  esquecido do sertão nordestino. O espetáculo usa a vida no sertão como metáfora de luta, amor e arte. Ingressos: R$ 6 a R$20.

 

Leitura

“João e o Pirata” – Publicação póstuma de Álvaro de Carvalho Jr, o livro, que é uma homenagem ao seu neto, João, será lançado no sábado (8), na Livraria Realejo (Av. Marechal Deodoro, 2). Entrada franca.

 

Sarau das pretas

 A Praça Caio Ribeiro Moraes e Silva (R. Conselheiro Ribas, 121), recebe no próximo sábado (15), às 16h, o sarau artístico-literário que propõe reflexões sobre o feminino, a cultura e a ancestralidade através de poesias por meio de palavra falada e cantada, sob curadoria de Débora Garcia, Elizandra Souza, Jô Freitas, Thata Alves e Taissol Ziggy. Entrada gratuita. Foto: Larissa Rocha.

 

Contação – Neste sábado (8), às 15h, na biblioteca do Sesc, será apresentada a história “Passando de Raspão” que conta sobre um velho mestre de capoeira que ajuda Onira, uma garota de 11 anos, a enfrentar as tempestades da vida. Entrada gratuita. 

 

Cinema

Cine Arte 

 O drama japonês “O fim da viagem, o começo de tudo” é a atração da semana no Cine Arte Posto 4 (orla do Gonzaga). O filme conta a história de Yoko (Atsuko Maeda), uma repórter de um programa de variedades que visita o país do Uzbequistão, e a viagem faz com que a jovem repórter conheça novas realidades, culturas e desafios que mudam sua percepção sobre o mundo. Em cartaz até quarta (12), em sessões às 16h, 18h30 e 21h. Ingressos: R$ 3. Foto: divulgação.

 

Cine Sesc – A programação de filmes exibidos no período da tarde começa neste sábado (8) às 16h com a exibição de “As duas Irenes”.  No domingo (9), também às 16h, o entretenimento é por conta de “O filho uruguaio”.  Entrada gratuita. 

 

Oscar – O Oscar no Miss  (Av. Pinheiro Machado, 48) segue com ciclo 007 e exibe “007 – Permissão para Matar”, na terça (11), às 18h30. Neste filme da saga, James Bond deixa o serviço secreto de Vossa Majestade para se vingar do perigoso traficante Franz Sanchez que matou seu melhor amigo. Entrada gratuita.

 

Exposição

Clantransdestina – A instalação artística, coordenada pelo artista Rodrigo Montaldi, pretende dar voz às mulheres trans em situação de rua. Foram montadas cinco cúpulas com a estrutura de orelhões que trazem em áudio cinco histórias reais de amores, afetos, violências, opressões e preconceitos. A instalação está na Praça dos Andradas (Centro Histórico) até o dia 10/2. Gratuita. 

 

“Belezas Reveladas”

As fotógrafas Maria Julieta e Claudia Moreno homenageiam os 474 anos de Santos na exposição 'Belezas Reveladas', que está disponível na Biblioteca Mário Faria (Posto 6, orla da Aparecida).  Com 18 cliques, a mostra revela o amor e os olhares da dupla de entusiastas da fotografia sob a nossa cidade. Visitação: até quinta (20), de segunda a sexta-feira, das 9h às 19h, e, aos sábados e domingos, das 9h às 13h. A entrada é gratuita. Foto: divulgação.

 

Sentidos – Oito fotógrafos ilustram sentidos como olfato e visão na exposição “Oito sentidos”, aberta ao público na Pinacoteca Benedicto Calixto (Av. Bartolomeu de Gusmão, 15). A curadoria é de Vera Simões. Visitação: até março, de terça a domingo. Entrada franca.